Enquete revela como pais japoneses encaram questões LGBT+

n-lgbtsurvey-z-20160824-870x580

Parada do Orgulho realizada em Tóquio no ano de 2016

Administrada pelo grupo Letibee, o LGBT Marketing Lab foi criado com o objetivo de apresentar medidas afirmativas de marketing para empresas baseado em enquetes, pesquisas e compartilhamento de informações.  No dia 18 de Agosto de 2016 eles divulgaram uma pesquisa intitulada “Pergunte aos pais: E se seu filho saísse do armário?”.

Essa enquete foi realizada on-line e colheu os dados de 566 participantes (258 homens e 281 mulheres entre 30 e 59 anos) entre os dias 8 e 11 de Agosto. Com exceção da província de Yamanashi, foram coletadas as respostas de pelo menos um residente de cada província japonesa. Abaixo deixamos o relatório completo da pesquisa:

______________________________

“Se seus filhos saíssem do armário?” Mais da metade das respostas apresentaram uma postura positiva de aceitação

O dia 11 de Outubro é o Dia de Sair do Armário, celebrando Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transgêneros que assumiram publicamente a sua sexualidade ou identidade de gênero. E como uma data comemorativa que tem como objetivo a conscientização, celebrações acontecem em várias comunidades LGBT ao redor do mundo.

O grupo LGBT Marketing Lab realizou uma enquete on-line em todas as 47 províncias japonesas com o tema “E se o seu filho saísse do armário?” voltada para aqueles que podem ser considerados como a presença mais próxima deles: Os pais.

De acordo com uma pesquisa realizada pelo Instituto de Pesquisa LGBT, 1 entre cada 12 japoneses (cerca de 8% da população) são LGBT. Em todos os municípios, muitas empresas tem mostrado um movimento de aceitação de pessoas LGBT, mas na atual enquete verificamos a verdade quando as pessoas são confrontadas com a pergunta “E se o seu filho saísse do armário, você, como pais, aceitariam eles?”.

Pergunta 1: Se o seu filho assumisse ser LGBT, o que você faria?

sem-titulo

04,9% Aceitaria de boa vontade

18, 4%  Me assustaria, mas logo aceitaria

27,0% Levaria um pouco de tempo, mas aceitaria.

38,9% Não queriam aceitar, mas que como não há nada o que fazer, aceitariam

10,8% Resolutamente não aceitariam

Número de respostas: 566

Sobre as respostas para a pergunta “Se o seu filho saísse do armário, o que você faria” (Ou “O que você pensou quando o seu filho se assumiu”),

4,9% afirmaram que “Aceitaria de boa vontade”,

18, 4%  afirmaram que “Me assustaria, mas logo aceitaria” e

27% afirmaram que “Levaria um pouco de tempo, mas aceitaria.

 

Ou seja, existe um resultado de 50,3%, aproximadamente metade das respostas, com posturas positivas de aceitação.

Em oposição, mesmo sendo o próprio filho houve uma postura negativa

38,9% afirmaram que “Não queriam aceitar, mas que como não há nada o que fazer, aceitariam” e

10,8% afirmaram que “Resolutamente não aceitariam”

Depois de questionados se aceitariam seus filhos se eles se assumissem LGBT, foram feitas perguntas do por quê eles disseram que aceitariam ou não.

Pergunta 2: Por que você respondeu que “Aceitaria” na pergunta 1?

sem-titulo

42,6% Eu aprendi através de noticiários sobre a existência de várias sexualidades

06,3% Ao meu redor tenho amigos e/ou conhecidos que são LGBT

03,2% Como eu desconfiava, eu pesquisei sobre o que é LGBT

05,0% Eu acho que o resto da sociedade é que é atrasada

61,2% Porque não é algo que vai mudar por causa da vontade dos pais

01,4% Porque parece divertido

06,3% Tanto faz qual a sexualidade deles

15,6% Porque eu penso que é a evolução dos tempos

01,0% Outros motivos

505 respostas (possibilidade de múltipla escolha)

A resposta mais comum para a pergunta “Por que você aceitaria” foca na própria posição dos pais de que “Não é algo que vai mudar por causa da vontade dos pais”. Já a segunda mais comum foi de que “Aprendeu através de noticiário sobre a existência de várias sexualidades”.

É possível pensar que a compreensão sobre LGBTs se aprofundou com o envolvimento de municípios e empresas através de noticiários e outras mídias, e houve um aumento de tolerância por causa do reconhecimento correto das sexualidades.

Pergunta 3: Por que você respondeu que “Não aceitaria” na pergunta 1?

sem-titulo

21,3% Porque eu acredito ser uma doença

29,5% Porque eu acredito ser vergonhoso

09,8% Porque acredito que meu filho sofrerá Bullying

09,8% Porque não terei netos

09,8% Porque não é reconhecido legalmente

13,1% Porque ele pode estar apenas confuso

26,2% Porque eu acho nojento

50,8% Porque acredito que ele sofrerá daqui para frente

61 respostas (possibilidade de múltipla escolha)

Observando porquê eles não aceitariam os seus filhos, repostas como

“Acredito ser uma doença”

“Acredito ser vergonhoso”

“Porque ele pode estar apenas confuso”

formam quase 80% das opiniões, mostrando uma falta de informação e conhecimento sobre LGBTs.

Para que a nova geração que será responsável por uma sociedade inclusiva tenha sucesso.

Com a atual enquete podemos observar que existe uma diferença de compreensão sobre LGBTs entre os pais que disseram que aceitariam e aqueles que disseram que não aceitariam ao serem questionados o que fariam se seus filhos saíssem do armário.

Apesar de que muitas empresas e municípios tem se envolvido em causas LGBTs nos últimos anos, podemos também perceber que muitas pessoas ainda tem ideias e acepções erradas sobre a sexualidade. Podemos também pensar que mais e mais movimentos em prol da diversidade poderão ser observados no Japão. O LGBT Marketing Lab (Grupo Letibee) acredita que para que essa nova geração tenha sucesso na criação de uma sociedade inclusiva, é imprescindível a criação de um ambiente que não reprima as diversas sexualidade, e que aprofunde uma compreensão correta sobre os LGBTs, que são 1 em cada 12 japoneses (Em uma classe seriam de 3 a 4 pessoas).

_______________________________

Links relacionados:

Página da pesquisa realizada pelo LGBT Marketing Lab (Em japonês)

Página oficial do grupo Letibee (Em japonês)

20% dos trabalhadores japoneses já presenciaram assédio contra LGBTs no ambiente de trabalho

Reflexões de um homem asiático bissexual

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s